Hotel D’Leon

Tocantins é destaque nacional em crescimento no agronegócio

O Tocantins aparece como destaque nacional como um dos estados que tiveram um maior crescimento no PIB (Produto Interno Bruto) ao longo da pandemia.
Muito deste resultado é devido ao crescimento do agronegócio e o aumento dos preços das commodities, segundo indicam projeções de uma consultoria realizada pela MB Associados.

Foto: Madson Maranhão/Governo do Tocantins

Os dados da consultoria apontam que o Tocantins tende a apresentar as altas mais intensas do PIB no acumulado de 2020 a 2022 de 4,7%, ficando atrás apenas do Mato Grosso do Sul (4,9%), e a frente do estado de Goiás (4,5%), na comparação com 2019, o ano anterior à crise sanitária.

“Isso só demonstra o quanto o nosso Estado tem potencial de desenvolvimento. Uma publicação como essa, justamente no momento em estamos organizando a Agrotins, que já é considerada a maior feira de agrotecnologia da região Norte, só reforça a nossa vontade de seguir trabalhando firme para levar o nome do Estado para mais destaques como este. E não apenas no agro, mas também em outras áreas como o turismo, onde já temos uma projeção positiva.”, afirma o governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa.

Segundo a pesquisa, depois do tocantins, aparecem Pará e Espírito Santo, com estimativas de crescimento de 4% e 3,9%, respectivamente, no mesmo período.

De acordo com a publicação da Folha, os dados mais recentes do IBGE sobre o PIB dos estados são referentes a 2019. Por isso, consultoria realizada pela MB busca estimar o desempenho com a pandemia em curso nos anos seguintes.

No caso do PIB nacional, os resultados já conhecidos vão até 2021. Conforme o IBGE, o indicador despencou 3,9% no país em 2020. Após a queda no ano inicial da pandemia, houve alta de 4,6% em 2021.

A publicação aponta que, no recorte específico do ano de 2022, 14 unidades da Federação devem ter PIB com desempenho superior ao do Brasil, como indica a MB. A maior alta prevista é para o Tocantins, de 1,7%, após projeções de recuo de 1,6% em 2020 e de avanço de 4,6% em 2021. Na sequência, aparecem Mato Grosso do Sul e Goiás. Em ambos os casos, o crescimento esperado em 2022 é de 1,4%.

Fontehttps://www1.folha.uol.com.br/mercado/2022/04/pib-de-estados-atrelados-ao-agro-deve-crescer-mais-na-pandemia-veja-lista.shtml.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.